25/04/2017   
Usuário:
Senha:

Crie sua conta aqui

Procurar por:

Publicações
Projetos
Eventos

Ir para a busca avançada

Projeto de Graduação
Arcos Gravitacionais: Relações Entre Parâmetros Locais e não Locais das Imagens Através de Simulações

Data do cadastro: 26/05/2008

Publicação/Divulgação: 06/03/2008

Resp. pelo cadastro:

Orientador: Martín Makler

Coorientador: -

Segundo Coorientador: -

Aluno:

Status atual: Defendido

Instituição de defesa: UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro

Data da defesa: 06/03/2008

Resumo: O estudo de arcos gravitacionais vem recebendo crescente atenção nos últimos anos, tanto pelo aumento constante no número de objetos detectados, quanto pelos progressos na modelagem da formação desses sistemas. Um caminho para compreender a formação de arcos e melhorar sua modelagem é investigar as relações entre parâmetros locais e não locais das imagens produzidas pelo lenteamento gravitacional. Como parâmetros locais compreendemos aqueles que se referem a um único ponto, como o centro de uma imagem, enquanto os parâmetros não locais estão associados a aspectos macroscópicos da imagem, como comprimento e largura. Neste trabalho investigamos algumas dessas relações como, por exemplo, a conexão entre as magnificações tangencial e radial e a razão comprimento-largura de imagens. Com isto, visamos determinar a validade de uma aproximação muitas vezes utilizadas em cálculos de estatística de arcos, que diz que a razão axial das imagens é igual à razão das magnificações. Também procuramos por relações entre a curvatura e a razão axial das imagens, considerando que a distância entre o centro geométrico e o centro real de uma imagem é uma medida de sua curvatura. Para realizar este trabalho, implementamos programas em Python que controlam todo o processo, desde a geração das imagens — com o uso do aplicativo gravlens — até a identificação de imagens individuais com a medida dos parâmetros acima mencionados e a análise dos resultados. Geramos um grande número de fontes para os modelos de lente da esfera isotérmica singular e de Navarro, Frenk e White elípticos e obtemos as posições das imagens e as magnificações calculadas nos seus centros. Percebemos que a razão axial das imagens é, de fato, tanto melhor aproximada pela razão das magnificações quanto menor for a razão axial. Também verificamos uma forte dependência da elipticidade da lente com respeito à dispersão entre as duas grandezas.

Banca: Martín Makler; Hélio Rocha-Pinto; I. Waga


Download do PDF (3.995 KB)


Todos
Todos
Todas
Artigos de Div. Científica
Artigos em Revistas Nac.
Artigos em Revistas Int.
Artigos em Eventos Nac.
Artigos em Eventos Int.
Livros Inteiros
Capítulos de Livro
Propriedades Intelectuais
Áudio
Patentes
Programas de computador
Modelos de utilidade
Marcas
Outras prop. intel.
Tecnologias
Know-how
Serviços tecnológicos
Tecnologias inovadoras
Teses de Doutorado
Dissertações de Mestrado
Projetos de Graduação
Ciência e Sociedade
Documentos Históricos
Monografias
Notas de Física
Notas Técnicas
Outras Produções
· Principal    |    CBPF    |    ·

Copyright 2004 - CBPF. Rio de Janeiro/Brasil
Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas
v 1.1

       
Pág. gerada em 0,30 s
Total de consultas SQL: 56